Tubarão

Os tubarões revelam alguns segredos sobre a forma como se movem na água. Quando olhamos para a sua pele à vista desarmada, e até mesmo com lupas, vimos uma superfície lisa. Mas se continuarmos a ampliar com microscópios, de maior resolução, deparamo-nos com isto:

créditos da imagem: ver aqui

O comprimento 500 μm é igual a 0,000500 m. A imagem ampliada revela uma superfície constituída por camadas, que por sua vez são onduladas. Esta e outras descobertas já resultaram em desenvolvimento de tecnologia em benefício do Homem. Um bom exemplo desse desenvolvimento são os fatos que os nadadores de alta competição utilizam para melhorar os tempos que, até à data, eram recordes mundiais.

crédito da imagem: ver aqui (Photo/Kathy Willens)

Mas a inspiração não fica por aqui. Uma empresa, a SkinzWraps, está a desenvolver um revestimento para os automóveis que, segundo os mesmos, permite um aumento da sua eficiência. Ver aqui

Não é só a forma semelhante a um torpedo e as barbatanas que permitem aos tubarões adquirir grande velocidade quando atacam as suas presas. Existiam, também, micro-segredos que permitem potenciar a locomoção, e agora, depois de descobertos, estão à nossa disposição.

One response to “Tubarão

  1. Boas
    Venho só desejar um bom 2010 e informar que no próximo semestre vou ter uma cadeira de física portanto é provável que num fim de semana ainda longínquo tenha notícias minhas😉

    Quanto ao post, uma tecnologia parecida é já utilizada nos aviões e graças a ela há uma poupança de, penso que, 10 a 20% de combustível por ano.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s