Matriz do 5º teste do 8º ano

  • Distinguir, no conjunto dos vários tipos de luz (espetro eletromagnético), a luz visível da luz não visível;
  •  Distinguir corpos luminosos de iluminados, usando a luz;
  •  Indicar que a luz, visível e não visível, é uma onda (onda eletromagnética ou radiação eletromagnética);
  • Distinguir ondas mecânicas de ondas eletromagnéticas;
  •  Identificar luz de diferentes frequências no espetro eletromagnético, nomeando os tipos de luz e ordenando-os por ordem crescente de frequências;
  •  Indicar que a velocidade máxima com que a energia ou a informação podem ser transmitidas é a velocidade da luz no vácuo, uma ideia proposta por Einstein;
  • Distinguir imagem real de imagem virtual;
  • Aplicar as leis da reflexão na construção geométrica de imagens em espelhos planos e caracterizar essas imagens;
  • Identificar superfícies polidas curvas que funcionam como espelhos no dia a dia, distinguir espelhos côncavos de convexos e dar exemplos de aplicações;
  •  Concluir que a luz incidente num espelho côncavo origina luz convergente num ponto (foco real) e que a luz incidente num espelho convexo origina luz divergente de um ponto (foco virtual);
  •  Caracterizar as imagens virtuais formadas em espelhos esféricos convexos e côncavos;
  •  Definir refração da luz, representar geometricamente esse fenómeno em várias situações (ar-vidro, ar-água, vidro-ar e água-ar) e associar o desvio da luz à alteração da sua velocidade;
  •  Distinguir, pela observação e em esquemas, lentes convergentes (convexas, bordos delgados) de lentes divergentes (côncavas, bordos espessos);
  •  Características das imagens formadas com lentes convergentes e divergentes;
  • Definir vergência (potência focal) de uma lente, distância focal de uma lente e relacionar estas duas grandezas, tendo em conta a convenção de sinais e as respetivas unidades SI;
  • Concluir que o olho humano é um recetor de luz e indicar que ele possui meios transparentes que atuam como lentes convergentes, caracterizando as imagens formadas na retina;
  •  Caracterizar defeitos de visão comuns (miopia, hipermetropia) e justificar o tipo de lentes para os corrigir.
  • Interacção da luz com a matéria.
  • Muito estudo e Boa Sorte!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s